Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Same Same But Different

Um blog repleto de ideias, textos, sonhos e aventuras de uma jovem maravilhada com o mundo em seu redor.

Same Same But Different

Um blog repleto de ideias, textos, sonhos e aventuras de uma jovem maravilhada com o mundo em seu redor.

Então e o estágio?

Como já referi anteriormente, há uns dias escrevi um texto sobre o estágio mas este acabou por se apagar quando a Internet morreu. Hoje posso dar um feedback melhor, visto já ter passado seis dias no Hospital Veterinário do Porto. A experiência tem sido positiva, de uma forma geral. Assisto a TACs, que era coisa que nunca tinha visto na vida, mandam-me tirar radiografias sozinha (eu que sentia um défice enorme na prática da imagiologia já estou uma profissional a mexer na máquina e a posicionar os animais) e também já vi cirurgias que nunca tinha visto. No entanto, desde o primeiro dia que achei que o hospital tinha pessoal a mais para a casuística. Juro que são pelo menos dez assistentes de veterinária e dez estagiários. E elas acabam por fazer a maior parte das medicações, limpezas, às vezes até mudanças de catéteres, que eram tarefas que eu estava habituada a fazer em São Bento. Acabam por existir alguns tempos mortos que me deixam um pouco aborrecida. Afinal, vim para o Porto para pôr as mãos na massa e não simplesmente para observar com as mãos nos bolsos. Para juntar à festa, recebi a notícia de que os estágios em São Bento acabaram devido às faltas de inúmeras pessoas. Confesso que fiquei muito triste com a notícia, aquele hospital já fazia parte da minha vida e eu adorava trabalhar lá com aqueles excelentes profissionais. Aprendi imenso fazendo apenas um dia por mês durante este ano que passou e, tendo em conta o que se passa neste hospital onde estou a estagiar agora, tenho um pouco de receio de não encontrar outro sítio onde me dêem liberdade para mexer, fazer e aprender como ali aconteceu. Hei-de pensar nalgum sítio para onde ir durante este 5o e último ano. Mas por enquanto fica a tristeza de um ciclo que se fecha e a comichão de que estas duas semanas não estão a corresponder na totalidade às espectativas.