Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Same Same But Different

Um blog repleto de ideias, textos, sonhos e aventuras de uma jovem maravilhada com o mundo em seu redor.

Same Same But Different

Um blog repleto de ideias, textos, sonhos e aventuras de uma jovem maravilhada com o mundo em seu redor.

Maratona dos Óscares #1

   O tiro foi disparado, está aberta a maratona aos Óscares! 8 filmes nomeados na categoria "Best Picture", 8 filmes que aqui a Ritinha vai ver antes da melhor noite do ano (sim, eu sou super fã da cerimónia e não perco directo nenhum desde os meus 15 anos) e comentar para vós.

   Hoje vou dar a minha opinião sobre o "The Grand Budapest Hotel", que já tinha visto no verão, e também sobre o "American Sniper", que acabei de ver.

   Começando pelo primeiro, quando vi este filme, nunca imaginei que fosse nomeado para os Óscares. Comédias raramente são nomeadas. Filmes gravados na Alemanha com uma trama estranha e fora do comum (no bom sentido) apresentam ainda menos chances de nomeação. Confesso que algumas partes da história mirabolante do Monsieu Gustave e de Zero, o "menino das malas" que depois acaba por herdar o hotel, se apagaram da minha memória mas agora que penso melhor neste filme, digo que sim, merece esta nomeação, nem que seja pela sua versatilidade. E os nossos amigos da Academia também merecem um pequeno aplauso pela nomeação deste filme. Só um pequeno.

   Relativamente ao "American Sniper", devo dizer que estava à espera de outro "Estado de Guerra" ou "00h30 Hora Negra", graças a tanta publicidade e tanta fofoca em torno deste filme. Afinal afinal, não passa de um filmezeco de propaganda ao patriotismo americano. O drama é típico, um soldado que vai e volta e que sofre danos psicológicos devido ao que vivencia durante a guerra, que casa uns dias antes da sua primeira missão, vai fazendo bebés nas pausas da guerra e cuja mulher quase o abandona por ele ficar obcecado com o que viveu e se fechar em si próprio. Em termos de acção, não esteve mal, houve uns quantos tiros, umas quantas missões engraçadas, momentos de tensão. No entanto, já vi muito melhor. O que salva este filme da lama é o Bradley e, ainda assim, não estou certa de que mereça levar a estatueta para casa. Tenho de ver outras perfomances e logo vos informo. Conclusão: filme não aprovado, claramente nomeado devido ao patético e exageradíssimo "espírito patriótico" dos americanos.

nX5XotM9yprCKarRH4fzOq1VM1J.jpg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.